• Rafael de Angeli

Apple espera alta demanda por futuros MacBooks Pro e contrata fornecedor extra de telas mini-LED

A Apple está aparentemente se preparando para uma alta demanda por seus futuros MacBooks Pro reprojetados de 14 e 16 polegadas e, antes de seu lançamento, como resultado, supostamente contratou um segundo fornecedor para as telas mini-LED.

Conceito: IAN/Apple TLD

De acordo com o site DigiTimes, a Apple acrescentou a Luxshare Precision Industry como uma segunda fornecedora de tecnologia de montagem em superfície (SMT - Surface Mounting Technology) para telas mini-LED. A Maçã havia, anteriormente, contratado apenas a SMT, ou Taiwan Surface Mounting Technology, como sua fornecedora para o recém-lançado iPad Pro de 12,9 polegadas com tela XDR (mini-LED) e para os próximos MacBooks Pro.


A Apple introduziu pela primeira vez uma tela mini-LED em seu ‌iPad Pro‌ de 12,9 polegadas de última geração em abril passado. Embora o novo iPad tenha sido anunciado em abril, as vendas do dispositivo só começaram no final de maio devido à alta demanda e às difíceis taxas de rendimento de produção. Alimentada por uma escassez global de chips e pela contínua crise de saúde global da Covid-19, a Apple e seus fornecedores enfrentaram desafios no ano passado para manter a produção de novos dispositivos.


Espera-se que os próximos MacBooks Pro tenham alta demanda graças a vários recursos e mudanças há muito tempo esperados. Junto com um chip Apple Silicon mais poderoso, há rumores de que os novos MacBooks Pro incluam o primeiro grande redesenho do laptop profissional da Maçã desde 2016, incluindo bordas mais finas, remoção da Touch Bar e (re)inclusão de portas adicionais.


O DigiTimes diz que os novos MacBooks Pro devem ser lançados no quarto trimestre do ano, que vai de outubro a dezembro. A publicação citou fontes anteriores alegando um lançamento no final do terceiro trimestre para os novos modelos, mas o início do quarto trimestre está mais em linha com as expectativas da indústria. A Apple anunciou, no ano passado, seu processador de silício M1 (Apple Silicon) e os computadores Mac mini, MacBook Air e MacBook Pro atualizados em um evento em novembro.

Fontes: DigiTimes e MacRumors

17/07/2021 - 0h22