top of page
  • Foto do escritorRafael de Angeli

WSJ: Headset 'Reality Pro' da Apple estreará na WWDC, mas lançamento ocorrerá no final do ano

A pouco menos de um mês da WWDC, o The Wall Street Journal corrobora detalhes do Headset “Reality Pro” da Apple. Citando “pessoas familiarizadas com o assunto”, a notícia afirma que o novo dispositvo AR/VR apresentará um design no estilo óculos de esqui, uma bateria externa e muito mais.

Conceito de Headset da Apple renderizado por Marcus Kane para o MacRumors.

Muitos dos detalhes relatados pelo WSJ foram divulgados anteriormente por outras fontes, incluindo a Bloomberg, o The Information e o leaker e analista Ming-Chi Kuo. A publicação agora fornece outro nível de corroboração enquanto aguardamos o anúncio oficial do Reality Pro na WWDC em 5 de junho.


A notícia reitera que o Headset da Apple usará uma abordagem de realidade mista, permitindo que os usuários “experimentem seus mundos virtuais através da tela dos óculos” enquanto veem simultaneamente “o mundo físico ao seu redor graças às câmeras voltadas para fora”.


Embora o Headset ainda esteja a caminho de fazer sua estreia na WWDC, a notícia aponta que não estará disponível “para a maioria dos usuários até o outono [do hemisfério norte, entre setembro e novembro], no mínimo”. A produção em massa não está programada para começar até dezembro, diz a publicação. Enquanto isso, a Apple “passou meses preparando apresentações com uma versão de demonstração do dispositivo” para a WWDC em junho.



Mesmo com a produção em massa ainda a meses de distância, fontes do WSJ dizem que pessoas dentro da Maçã e dentro da cadeia de suprimentos da empresa estão preocupadas com mais atrasos.


“Alguns funcionários e fornecedores da Apple questionaram se o lançamento poderia ser adiado devido aos desafios de integrar o Headset com o novo software, sua produção e o mercado mais amplo, disseram pessoas familiarizadas com o desenvolvimento do produto. A Apple ainda pode fazer alterações em sua linha do tempo”. “A tentativa de apresentação do Headset no mercado, com obstáculos conhecidos, contrasta com o caminho usual da Apple, onde os produtos são apresentados ao mundo como totalmente formados. O preço esperado de US$ 3.000 está fora do alcance de muitos consumidores, e a empresa já está antecipando alguns problemas de produção”.

Em termos de design físico do produto, a notícia corrobora que o Reality Pro usará uma bateria externa. O Headset "também envolverá totalmente os olhos do usuário como um par de óculos de proteção”, o que impedirá que "seja capaz de visualizar diretamente os arredores como faria com um par de óculos normal".


O WSJ também oferece detalhes interessantes sobre os planos anteriores da Apple para a primeira versão de seu Headset, citando ex-funcionários que trabalharam no projeto. A história corrobora que uma ideia anterior era que o “Headset fosse conectado sem fio a uma estação base para descarregar a grande quantidade de computação necessária”. Como foi relatado anteriormente, Jony Ive, ex-líder do departamento de design industrial da Apple, teria rejeitado essa ideia desde o início.


Como esperado, a notícia diz que a Apple está planejando uma ampla gama de sessões para desenvolvedores na WWDC que serão “dedicadas ao desenvolvimento do software para o novo Headset”.


Conceito de Headset da Apple renderizado por Marcus Kane para o MacRumors.

O tempo da apresentação ao lançamento do produto é proposital para que os desenvolvedores criem aplicativos para o novo dispositivo antes de chegar aos consumidores finais. O primeiro Apple Watch, como comparação, foi revelado e apresentado ao mundo em setembro de 2014 e lançado apenas em abril de 2015, já com muitos apps, recursos e funcionalidades.



Fontes: The Wall Street Journal e 9to5Mac

13/5/2023 - 3h56

Comments


bottom of page