top of page
  • Foto do escritorMarcelo Dada

Apple investe de forma esmagadora em Inteligência Artificial para aprimorar a Siri no iOS 18

Segundo o The Information, a Apple estaria alocando montantes milionários em iniciativas ligadas à Inteligência Artificial. A análise indica que a gigante de Cupertino pode estar delineando estratégias ambiciosas para sua assistente virtual, a Siri, que celebrou seu 12º aniversário no dia 4 de outubro.

Logo da Apple com o logo da Siri

A Apple tem intensificado notoriamente seus investimentos em inteligência artificial (IA) e aprendizado de máquina. Diversas análises e informações vazadas indicam que essa ênfase está voltada, sobretudo, para o aprimoramento da Siri no iOS 18. Tal movimento pode ser atribuído à percepção de que a assistente virtual da Apple não atendeu às expectativas, especialmente quando comparada às assistentes de outras empresas e a evolução contínua do próprio iOS. Conforme apontado por uma análise do The Information, a companhia teria destinado montantes milionários diariamente a esse projeto.

A despeito de John Giannandrea, chefe de Inteligência Artificial da Apple, ter manifestado publicamente certa reserva quanto aos chatbots de IA, é inegável que a companhia tem se dedicado silenciosamente a esta tecnologia ao longo dos últimos quatro anos.


Rumores anteriores sobre o "Apple GPT" foram trazidos à tona por Mark Gurman, da Bloomberg. Em julho, o jornalista mencionou que a Apple estaria experimentando modelos de linguagem de grande escala e que alguns funcionários da empresa teriam acesso a um chatbot interno chamado "Ajax". Com a estreia do ChatGPT da OpenAI em 2022, os chatbots rapidamente se tornaram um recurso indispensável do momento. Tanto a Microsoft quanto a Google já lançaram seus chatbots. No entanto, até o momento, não há indícios de que a Maçã esteja prestes a lançar um produto desse porte, voltado para o consumidor, em um futuro próximo.


iMac gigante

Conforme reportado pelo The Information, a gigante de Cupertino mantém uma equipe seleta, composta por 16 indivíduos, dedicada à formação de modelos linguísticos. Os aportes destinados a esse projeto foram descritos como de valores expressivos.


A meta dessas cifras milionárias deve ser a de conferir à Siri uma sagacidade ímpar, tornando-a apta a automatizar tarefas complexas com comandos vocais, à semelhança do aplicativo Atalhos, que atualmente demanda uma meticulosa configuração manual. A "reformulação" da Siri no iOS 18 visaria, inicialmente, a facilitar tarefas, como converter fotografias em GIFs e enviá-los a amigos, tudo por meio de um único comando de voz do usuário.


Siri no iPhone
Imagem: Reprodução/MacRumors

O The Information também especulou que a Apple aspira a uma integração mais profunda da Siri ao aplicativo Atalhos, que se consolidou como pilar nos sistemas operacionais da empresa para inúmeros usuários. A rivalidade com o Google estaria impelindo a Apple a antecipar ou, quiçá, sincronizar seu lançamento, visto que o gigante das buscas também estaria empenhado em aperfeiçoar as habilidades de seu assistente virtual.


Logo da Siri

Vale destacar que a Apple tem sido firme em relação à privacidade e ao jeito como lida com os dados no dispositivo, o que a faz se destacar no mercado. Porém, adotar modelos de linguagem mais avançados traz o desafio de equilibrar privacidade e funcionalidade.


Espera-se que o iOS 18 apresente avanços significativos para a nossa querida Siri. Nesse sentido, podemos esperar inúmeros rumores até a próxima WWDC, que provavelmente ocorrerá em junho de 2024.



Fontes: MacRumors, The Information e Bloomberg

10/10/2023 - 4h21

コメント


bottom of page