• Rafael de Angeli

iPhone 13 terá modo retrato em vídeos, MagSafe mais forte, tela sempre ativa com 120Hz e mais

A linha iPhone 13 (ou 12S?) deste ano incluirá uma tela sempre ativa com uma taxa de atualização de 120Hz, recursos aprimorados da câmera para astrofotografia, ímãs MagSafe mais fortes e um acabamento fosco mais fino na parte de trás, de acordo com o leaker Max Weinbach (via canal EverythingApplePro).

Conceito: Apple TLD

Weinbach é um leaker bem conhecido que compartilhou informações, no passado, sobre a linha iPhone 12, onde algumas se tornaram realidade. De acordo com suas fontes, a Apple está planejando incluir uma tela sempre ativa na série iPhone 13, com a tecnologia sendo semelhante à tela sempre ligada no Apple Watch Series 5 e posterior.


Telas sempre ligadas são típicas na maioria dos smartphones Android emblemáticos, e a tecnologia permite que os usuários vejam informações o tempo todo sem ter que ligar ou desbloquear o dispositivo. Desde o iPhone X (de 2017), que foi o primeiro a apresentar uma tela OLED, muitos especularam que a Apple trará esse recurso aos seus usuários.


Os monitores OLED consomem menos energia do que os monitores LCD, já que cada pixel é controlado individualmente, ao contrário dos painéis LCD que usam luzes de fundo para iluminar todos os pixels, até mesmo para mostrar um pequeno pedaço de informação na tela. Com telas OLED, a Apple é capaz de iluminar apenas os pixels necessários para mostrar aos usuários a hora, a bateria ou alguma forma de indicador para notificações de aplicativos, sem usar uma quantidade significativa de energia da bateria.


Weinbach afirma que a tela sempre ativa parecerá uma "tela de bloqueio atenuada", onde o relógio e a carga da bateria são sempre visíveis, e as notificações passadas são mostradas através de "uma barra e ícones". Quando os usuários recebem uma notificação, ela "aparece normalmente, exceto que a tela não acenderá totalmente". Em vez disso, "ela irá exibi-lo exatamente como você está acostumado agora, exceto esmaecido e apenas temporariamente", de acordo com o leaker.


Weinbach também "confirma" que uma taxa de atualização ProMotion de 120Hz estreará nos modelos Pro dos iPhones de 2021, um recurso que havia rumores de aparecer no iPhone 12. Uma tela sempre ligada com tecnologia ProMotion não exigiria uma mudança no design físico, e o leaker relata que, de fato, não haverá alteração no "chassi" real da família iPhone 13 em comparação com a linha iPhone 12. A única mudança potencial de hardware será uma parte traseira fosca com uma sensação de "mais agarrado, mais confortável", semelhante ao acabamento na parte de trás da série Google Pixel.


Internamente, o MagSafe ficará "consideravelmente" mais forte, de acordo com o rumor. O iPhone 12 possui MagSafe na parte de trás que permite aos usuários anexar magneticamente diferentes acessórios e oferece uma maneira alternativa de carregar o dispositivo, mas os ímãs foram criticados por alguns por serem fracos. A Apple está procurando aliviar essas preocupações adicionando ímãs mais fortes, de acordo com Weinbach, embora não se espere que a adição seja a única razão para um aumento de rumores na espessura do dispositivo. Quanto às câmeras, Weinbach relata que a Maçã está aumentando seus esforços em astrofotografia.


A astrofotografia, a fotografia da astronomia, normalmente requer configurações complicadas da câmera para capturar proficientemente o céu escuro da noite. Espera-se que a integração da capacidade ao iPhone seja perfeita, com o rumor alegando que o smartphone mudará automaticamente para o modo quando registrar um usuário apontando para o céu, o que permitirá que o telefone detecte diferentes artefatos, como a lua e as estrelas, e ajuste as configurações, como a exposição, conforme o necessário. Corroborando o analista Ming-Chi Kuo, o rumor diz que a câmera Ultra-angular em toda a linha receberá um sensor e lente aprimorados.


As informações mais recentes apontam para a capacidade de fazer vídeos no modo retrato nos iPhones deste ano. Os usuários têm conseguido tirar fotos de retrato desde o lançamento do iPhone 7 Plus, mas ele permaneceu totalmente limitado a fotos estáticas. O modo Retrato adiciona uma sensação de profundidade às fotos, desfocando o fundo e mantendo o assunto central totalmente em foco. Com vídeos, a tarefa se torna muito mais difícil, já que o assunto está se movendo ativamente, dificultando a adição de um efeito de profundidade em tempo real. Nos smartphones Androids que possuem este recurso, a qualidade fica extremamente péssima. Quando a Apple geralmente demora para lançar um recurso, faz bem feito. Assim esperamos!


A nova informação se junta a uma já longa lista de recursos que esperamos para os iPhones de 2021. A Bloomberg sugere que o maior recurso principal da linha será a introdução do Touch ID no iPhone. De acordo com o site, a Apple está testando colocar o sensor Touch ID abaixo da tela, permitindo que os usuários desbloqueiem seus dispositivos se o Face ID for considerado inutilizável, como quando você estiver usando uma máscara. Ao contrário do iPhone 12, que sofreu atrasos devido à pandemia de Covid-19, espera-se que o iPhone 13 seja lançado em setembro, como de costume.



Fontes: EverythingApplePro, Bloomberg e MacRumors

24/02/2021 - 4h08