• Rafael de Angeli

DigiTimes: Apple está planejando vários eventos para setembro

A Maçã está planejando realizar vários eventos de produtos em setembro, ao invés de sua estratégia do ano passado de dividir seus lançamentos em três eventos separados em setembro, outubro e novembro, de acordo com o DigiTimes.


Em uma notícia de acesso pago, a publicação afirma que a Apple "vai hospedar uma série de conferências de lançamento de produtos em setembro", com um destaque de um dos eventos sendo a nona geração do iPad básico.


A empresa tem vários novos produtos reservados para lançamento neste outono (no hemisfério norte), desde o iPhone 13, o Apple Watch Series 7, os AirPods de terceira geração, um iPad mini atualizado, um novo iPad básico e, claro, os altamente antecipados MacBooks Pro de 14 e 16 polegadas redesenhados.


No final do ano passado, a Apple lançou uma linha semelhante de produtos e, devido à crise global de saúde da Covid-19, todos os eventos da empresa, desde então, foram transmitidos digitalmente, em vez de ser presencial. A forma digital permitiu que a Maçã planejasse com mais cuidado os lançamentos de seus produtos, uma vez que eventos presenciais são mais caros e requer muito planejamento.


O primeiro evento "de outono" da Apple em 2020 foi em 15 de setembro, quando a Maçã anunciou o Apple Watch Series 6, o Apple Watch SE, o ‌iPad‌ de oitava geração e o iPad Air redesenhado. Os rumores, na época, eram conflitantes sobre se os iPhones, que historicamente são lançados em setembro, seriam anunciados no evento.


Em vez disso, a Apple decidiu dedicar todo o seu evento de setembro ao Apple Watch, seu impacto na saúde dos usuários, e ao ‌iPad‌. A série iPhone 12, juntamente com o HomePod mini, foram anunciados no segundo evento da empresa menos de um mês depois, em 13 de outubro. E novamente em menos de um mês, a gigante de Cupertino realizou seu evento focado nos Macs com o chip Apple Silicon M1 em 10 de novembro.


O cenário que o DigiTimes está relatando, em que a Apple realizará vários eventos em um único mês, não é totalmente impossível, mas pode ser improvável. Por ter vários eventos espalhados por vários meses, a Maçã está mais bem equipada para garantir que cada novo dispositivo seja destacado de forma completa e adequada.


Como alternativa, a Apple pode estar levando em consideração a temporada de volta às aulas, em que a maioria dos alunos retornará ao aprendizado digital ou presencial em setembro. Alguns produtos futuros, como o ‌iPad‌ básico, o ‌iPad mini‌ atualizado e os MacBooks Pro reprojetados, podem ser populares entre os alunos, e a Apple pode sentir que deseja direcionar alguns de seus novos produtos para alunos que estão voltando para a escola.


Além disso, a notícia do DigiTimes se alinha com um rumor anterior da publicação, afirmando que os MacBooks Pro reprojetados de 14 e 16 polegadas seriam lançados em setembro. Os laptops recentemente entraram em produção em massa.


Embora não afirme explicitamente o cronograma dos eventos da Apple neste fim de ano, Mark Gurman, da Bloomberg, relatou que a empresa não lançará todos os seus novos produtos em um único evento, mas os dividirá em vários eventos online.



Fontes: DigiTimes, Bloomberg e MacRumors

22/8/2021 - 1h09