top of page
  • Foto do escritorEduardo Galiani

Apple planeja grande reformulação na linha de Macs com chips M4 e com avanços em inteligência artificial

Nova geração de processadores promete atualizações em toda a linha de Macs, incluindo novos iMacs, MacBooks Pro e Mac minis, com planos de lançamentos estendidos até 2025.

M4
Imagem: Reprodução/MacRumors

A Apple está planejando uma grande reformulação em sua linha de Macs com o advento da família de chips M4. De acordo com uma nova notícia da Bloomberg, a Maçã está planejando uma “nova família de processadores internos projetados com foco em inteligência artificial”.


A notícia diz que a empresa está “próxima da produção” dos primeiros chips M4. “O novo chip virá em, pelo menos, três variedades principais, e a Apple pretende atualizar todos os modelos de Mac com ele”, comentou o jornalista e leaker, Mark Gurman.


Os rumores apontam que a Apple tem como objetivo lançar os computadores atualizados a partir do final deste ano, estendendo-se até o início do próximo ano. Haverá novos iMacs, um MacBook Pro de 14 polegadas de entrada, modelos MacBook Pro de 14 e 16 polegadas de alta qualidade e Mac minis — todos com chips M4. No entanto, os planos da empresa podem mudar.

M4

Daí em diante, a gigante de Cupertino planeja, então, lançar mais Macs com M4 ao longo de 2025. Isso inclui atualizações para os MacBooks Air de 13 e 15 polegadas entre março e maio, o Mac Studio por volta do meio do ano e o Mac Pro, mais tarde, em 2025.


A família M4 incluirá uma variante de entrada, bem como pelo menos duas versões de alto desempenho. Com estes chips, a Apple planeja “destacar as capacidades de processamento de IA dos componentes e como eles se integrarão com a próxima versão do macOS”, segundo relatos.


O chip M4 de base, de codinome "Donan", alimentará o MacBook Pro de entrada, assim como o MacBook Air e o Mac mini de entrada. O primeiro chip de alto desempenho, de codinome "Brava", aparecerá no Mac Studio, nos modelos MacBook Pro de especificações superiores e em um Mac mini de alto desempenho. Provavelmente, estamos nos referindo, neste caso, ao chip “M4 Pro”.


O relatório também inclui algumas boas notícias para os fãs do Mac Pro:


O desktop de mais alto desempenho da Apple, o Mac Pro, está programado para receber o novo chip "Hidra". O Mac Pro continua sendo o modelo de menor venda na linha de computadores da empresa, mas possui uma base de fãs expressiva. Após algumas reclamações de clientes sobre as especificações dos chips da Apple, a empresa planeja reforçar essa máquina no próximo ano.

Para as configurações de desktop Mac de mais alto desempenho, a Apple está considerando suporte para até 500 GB de RAM. Isso é um aumento em relação ao máximo atual de 192 GB.


Até o momento, a Apple ainda não lançou uma versão do Mac Studio ou do Mac Pro com chip M3. O relatório de Gurman ao menos deixa aberta a possibilidade de um Mac Studio com M3 utilizando um “chip da era M3 ainda não lançado”. Para recapitular, o Mac Studio está disponível com as configurações M2 Max e M2 Ultra. Enquanto o M3 Max já está disponível no MacBook Pro.


Com a introdução da família de chips M4 e o foco renovado em inteligência artificial, a Maçã parece se apressar para realocar suas inovações tecnológicas nas mãos dos consumidores. A longevidade do chip M3 em Macs acaba sendo um pouco curta, levando em conta as previsões de Gurman.

AI

Se até 2025 poderemos ver computadores com um chip avançado e até 500 GB para memória RAM, o salto tecnológico pode ser um dos mais significativos desde a transição para os processadores Apple Silicon.



Fonte: 9to5Mac

16/4/2024 - 15h31

Comments


bottom of page