top of page
  • Foto do escritorEduardo Galiani

Apple mantém postura contra MacBook com tela sensível ao toque, mas rumores indicam possível mudança

Em entrevista, vice-presidente de marketing de iPads e Macs reafirma posição da empresa, elucidando que o iPad e o MacBook são dispositivos complementares e não concorrentes, pensados para serem operados de forma diferente.

MacBook
Imagem: Reprodução/9to5Mac

As primeiras avaliações do novo iPad Pro já estão disponíveis em diversos canais de criação de conteúdo digital, destacando as novas telas OLED, o chip M4 e as limitações do iPadOS. Em meio a essas discussões, uma entrevista recente ao The Wall Street Journal trouxe à tona a visão da Apple sobre a comparação entre iPads e Macs, e a possibilidade de um MacBook com tela sensível ao toque.


Quando questionado sobre a possibilidade de um MacBook com tela sensível ao toque, Tom Boger, vice-presidente de marketing de Macs e iPads, reafirmou a posição da Apple ao considerar os dois dispositivos complementares, não concorrentes. O executivo explicou que o iPad é o dispositivo da empresa ideal para toque, enquanto o Mac é para uso com métodos de entrada indireta, com teclado, mouse e trackpad. Boger destacou, também, que o macOS é concebido para um paradigma de computação diferente, focado na produtividade com periféricos tradicionais.


Muitos usuários possuem tanto um iPad quanto um Mac e utilizam o iPad para complementar o trabalho iniciado no Mac, aproveitando a continuidade entre os dispositivos.

Essa postura da Maçã levanta algumas questões sobre os obstáculos para a implementação de telas sensíveis ao toque em Macs. Primeiro, há uma preocupação com a ergonomia. Usar uma tela sensível ao toque em um laptop pode não ser confortável por longos períodos, podendo causar fadiga. Além disso, a interface do macOS não é otimizada para toque, ao contrário do iPadOS, que foi projetado desde o início com a interação tátil em mente.


iPad

Em contrapartida, rumores sugerem que a Apple pode estar reconsiderando essa abordagem. Mark Gurman, da Bloomberg, relatou que a empresa está desenvolvendo ativamente Macs com telas sensíveis ao toque. Segundo fontes, a empresa estaria planejando lançar um MacBook Pro com essa funcionalidade em 2025. Esse novo modelo manteria o design tradicional de laptop, com teclado e trackpad padrão, mas incluiria uma tela que suportaria entrada por toque e gestos, semelhante aos dispositivos iPhone e iPad.


MacBook
Conceito: Yanko Design

Os rumores indicam que a gigante de Cupertino poderia estar se preparando para uma mudança em sua linha de produtos, incorporando a função de toque nos Macs. Essa transição, no entanto, exigiria uma adaptação considerável do macOS para suportar de forma eficiente a interação tátil e garantir uma experiência que esteja à altura dos padrões da Apple.


Enquanto a empresa mantém oficialmente sua posição de que o iPad é o dispositivo ideal para toque e o Mac para manipulação indireta, as especulações sobre um MacBook com uma tela “touch” continuam a crescer. Se a Apple realmente avançar com esses planos, poderemos ver uma integração mais profunda entre seus dispositivos e uma nova abordagem para a computação pessoal.



Fontes: 9to5Mac e Bloomberg

21/5/2024 - 18h08

コメント


bottom of page