• Rafael de Angeli

Vendas de Apple Watches e AirPods aumentam, mas perdem mercado para concorrentes menores

O Apple Watch continua dominando o mercado mundial de smartwatches, que cresceu quase 35% entre janeiro e março deste ano, em comparação com o mesmo período de 2020.


As vendas de wearables (vestíveis) da Apple continuaram a crescer ano a ano no primeiro trimestre de 2021, mas a empresa perdeu participação de mercado para rivais menores, de acordo com dados recém-publicados pelo IDC.


As empresas venderam um total de 104,6 milhões de unidades no primeiro trimestre deste ano, marcando um aumento de 34,4% em relação às 77,8 milhões de unidades vendidas na mesma época do ano passado. Esta também é a primeira vez que as vendas do primeiro trimestre ultrapassam 100 milhões de unidades em todo o mundo.



Enquanto líderes de mercado como Apple e Samsung mantiveram sua liderança durante o trimestre, a maior parte do crescimento veio de empresas menores, como a BoAt.


"A Apple começou 2021 da mesma forma que terminou 2020: como líder absoluta no mercado mundial de vestíveis. O apetite por seus smartwatches permaneceu forte, com os mais baratos SE e Series 3 ganhando ainda mais força no mercado, enquanto seus acessórios - incluindo AirPods e Beats - mostraram quedas sequenciais após atingir níveis recordes no 4T20 [quarto trimestre de 2020]".


Embora a Apple tenha vendido mais 5 milhões de vestíveis no primeiro trimestre de 2021 e permanecido líder de mercado, ela perdeu 3,5% de participação de mercado geral para os concorrentes, a maioria sendo empresas muito menores.


Os dados de vestíveis do IDC incluem smartwatches, como o Apple Watch, e auriculares, como ‌os AirPods‌. A gigante de Cupertino não fornece análises específicas do número de modelos de Apple Watches e ‌‌AirPods‌‌ vendidos, portanto, os dados da IDC são baseados em estimativas.



Durante a divulgação recente dos lucros, a Apple disse que os vestíveis estabeleceram um novo recorde de receita no primeiro trimestre fiscal de 2021. O negócio de wearables da Maçã sozinho é "apenas" do tamanho de uma empresa Fortune 120.



Fontes: IDC e MacRumors

27/05/2021 - 23h16