• Rafael de Angeli

Um AirTag separado de seu dono por três dias ou mais produz som para ajudar a ser encontrado

Ao encontrar um AirTag após ouvir um som, é possível usar qualquer dispositivo que tenha NFC, como um iPhone ou Android, para ver se o seu proprietário o marcou como perdido e ajudar a devolver.


O recém lançado rastreador AirTag, apresentado pela Apple na semana passada, permite que você acompanhe as coisas, como suas chaves, carteira, bolsa, mochila ou bagagem, e se for separado de seu proprietário e fora do alcance do Bluetooth, a localização da Rede Buscar pode ajudar a rastreá-lo, graças ao seu chip U1 de banda larga.


De acordo com a Apple, um AirTag que não está com a pessoa que o registrou por um longo período de tempo também emitirá um som quando for movido, para alertar qualquer pessoa próxima para que possa ser encontrado, mesmo sem um dispositivo iOS por perto.


A documentação da Apple não explica exatamente o que constitui "um longo período de tempo", mas fontes de dentro da empresa deram uma definição mais exata sobre o assunto, de acordo com o site MacRumors. Eles informam que o período de tempo limite é atualmente três dias, mas sugeriram que isso pode mudar no futuro:


"O período de tempo limite para quando um AirTag jogará um som se separado de seu proprietário é atualmente três dias - mas isso não é 'culpa' do próprio AirTag. É uma configuração do lado do servidor na Rede Buscar, então a Apple pode ajustá-la se o uso do mundo real sugere que três dias for muito longo ou curto demais".

Se alguém encontrar um AirTag depois de ouvi-lo fazer um som, a pessoa pode usar qualquer dispositivo que tenha NFC, como um smartphone iPhone ou Android, para ver se o seu proprietário o marcou como perdido e ajudar a devolvê-lo.


O AirTag custa US$ 29 cada nos Estados Unidos ou US$ 99 em um pacote com quatro unidades. As encomendas on-line começaram na sexta-feira passada, 23 de abril, e as entregas a partir de hoje (30).


No Brasil, ainda sem previsão de lançamento, os preços serão de R$ 369 cada ou R$ 1.249 no combo. Sempre com 10% no pagamento à vista.


Algumas pessoas ao redor do mundo receberam o novo iDevice antecipadamente, conforme dedura dezenas de vídeos no YouTube:




Fonte: MacRumors

30/04/2021 - 8h02