• Rafael de Angeli

'Estamos trabalhando duro como de costume’, diz Tim Cook sobre novos produtos

CEO da Apple, Tim Cook, fala sobre o que podemos esperar da empresa em seus próximos passos.


Durante a teleconferência de resultados de ontem, referente ao segundo trimestre fiscal de 2020 da gigante de Cupertino, o CEO da Apple, Tim Cook, forneceu algumas dicas sobre o que podemos esperar da Maçã, em termos de novos produtos, durante a pandemia (e crise) do coronavírus.


Saiba mais:

- Apple tem receita de US$ 58,3 bilhões no 2º trimestre fiscal de 2020


Cook disse que a Apple continua operando e que seus funcionários estão se acostumando a trabalhar em casa.


Em algumas áreas da empresa, algumas pessoas podem ser ainda mais produtivas. Em outras áreas, não é tão produtivo. É um misto, dependendo de quais são os papéis.

Cook disse que os funcionários da empresa estão trabalhando duro como de costume.


Novos produtos são a nossa força vital. Continuamos trabalhando. [...] Como você pode ver pelo que fizemos neste trimestre, apesar do ambiente (pandemia), estamos trabalhando duro como de costume porque sabemos que nossos clientes querem os produtos que temos. Eles são ainda mais importantes nestes tempos.

Cook também foi questionado sobre possíveis desenvolvimentos em saúde e disse que é uma área em que a Apple já estava trabalhando, referenciando recursos como ECG (eletrocardiograma) no Apple Watch.


Você pode apostar que estamos analisando outras áreas. Nós já estávamos fazendo isso. Nós vemos isso como uma área de grande oportunidade para a empresa e uma maneira de ajudar muitas pessoas. Você nos verá continuar nisso. Eu não diria que a porta da saúde se abriu mais, eu diria que já estava aberta bastante.

Sobre o tema da cadeia de suprimentos da Maçã e quão bem está situada para lançar produtos tradicionais de outono (nos Estados Unidos), Cook disse que as pessoas deveriam se concentrar no fato de que os produtos da Apple são feitos em todos os lugares, em vez de se concentrarem apenas na montagem final do processo de fabricação, que tende a mais atenção.


Temos que concluir que, se você observar o choque causado pela cadeia de suprimentos ocorrida neste trimestre, para voltar, isso rapidamente demonstra realmente que é durável e resiliente. Eu me sinto bem sobre onde estamos. Dito isto, estamos sempre olhando para ajustes, não é apenas algo sobre o qual falamos.

O CEO continuou dizendo que a empresa "olha para ver" o que pode ser aprendido com essa situação e como tudo pode ser usado para promover mudanças depois que a Apple "ficar totalmente fora disso".


Cook também comentou os planos de pagamento do iPhone no Apple Card e disse que “a Apple está trabalhando nisso para outros produtos" e que veremos algo sobre esse tópico em breve.


Quanto aos produtos atuais, quando perguntado se os clientes estavam favorecendo produtos de menor custo, disse que não viu isso. A empresa teve uma forte resposta dos clientes ao iPhone SE, seu smartphone mais acessível, mas disse que esses clientes queriam um produto menor com a tecnologia mais recente ou estão vindo do Android em vez de "comprar algo inferior". As vendas do iPad Pro também foram fortes.


Leia também:

- Apple lança novo iPhone SE com tela de 4,7 polegadas, chip A13 e Touch ID


Os rumores sugerem que a Apple terá vários produtos lançados até o final de 2020, que vão desde novos modelos MacBook Pro e iMacs até quatro novos iPhones no outono do hemisfério norte.


Confira:

- Rumor: iMac de 23" e iPad Air de 11" de baixo custo serão as novas apostas da Apple

- Rumores: iPad Air com Touch ID sob a tela, MacBook em ARM, controle para jogos da Apple e mais

- Bloomberg traz detalhes dos futuros iPhone 12, HomePod, AirTags e mais



Fonte: MacRumors

NewsOnApple_Site_vertical.png
  • Facebook
  • Instagram
  • Twitter
  • Youtube
  • Apple Podcasts
  • Spotify
  • Deezer
  • Google_Podcasts_Logo_2


ASSINE NOSSA NEWSLETTER

2019-2020 © News On Apple. Todos os direitos reservados.