• Fernando Cunha JR

É guerra! Trump proíbe transações com empresas chinesas donas do TikTok e WeChat

O presidente Donald Trump assinou duas ordens executivas que proibiriam oficialmente qualquer transação dos EUA com as empresas chinesas ByteDance e Tencent, em uma escalada da guerra fria tecnológica em curso entre os dois países.


As ordens executivas proibiriam "qualquer transação por qualquer pessoa, ou com relação a qualquer propriedade, sujeita à jurisdição dos Estados Unidos", com a ByteDance e a Tencent, a partir de 45 dias. O TikTok, que pertence à ByteDance, disse estar "chocado" com a ordem executiva e que responderá em tribunal, se necessário.


O TikTok está sob crescente escrutínio do governo dos EUA devido a preocupações de que ele possa, teoricamente, ser obrigado pela lei chinesa a entregar todos os dados coletados dos usuários.


Trump disse que o TikTok deve vender suas operações nos EUA em 45 dias e que o acordo deve incluir um pagamento substancial ao governo americano. Caso contrário, o aplicativo seria banido.


A China reagiu com raiva à ameaça e alertou que se recusaria a aceitar o "roubo" do TikTok se o acordo for adiante.

A Microsoft confirmou publicamente sua intenção de comprar o TikTok nos Estados Unidos e em vários outros territórios, e a empresa está atualmente em discussões com a ByteDance. Uma notícia anterior sugerindo que a Apple está interessada em comprar o aplicativo acabou sendo imprecisa.


O WeChat, de propriedade da Tencent, é fortemente utilizado na China como uma plataforma de mensagens - como já dissemos em outro artigo em nosso site -, como uma interface para vários outros aplicativos, e para fazer transações móveis.


A maioria dos aplicativos de bate-papo ocidentais são banidos na China, mas o WeChat é amplamente utilizado em todo o mundo e tem mais de 1,2 bilhão de usuários ativos mensais.


As ordens executivas também podem representar problemas para uma série de outras empresas, pois a Tencent é investidora em várias empresas dos EUA, incluindo Tesla, Reddit e Spotify. Também possui uma quantidade substancial de ações na Riot Games e Na Epic Games, os fabricantes de League of Legends e Fortnite, respectivamente.


Leia também:

- EUA consideram banir TikTok e outros aplicativos chineses. Huawei também está na mira.

- Crescimento do WeChat mostra que o iPhone pode nunca mais predominar na China



Fonte: MacRumors

07/08/2020 - 19h16

NewsOnApple_Site_vertical.png
  • Facebook
  • Instagram
  • Twitter
  • Youtube
  • Apple Podcasts
  • Spotify
  • Deezer
  • Google_Podcasts_Logo_2


ASSINE NOSSA NEWSLETTER

2019-2020 © News On Apple. Todos os direitos reservados.