• Rafael de Angeli

Chips Apple Silicon dos Macs podem ter ciclo de atualizações de 18 meses

A Apple planeja atualizar os chips dos Macs a cada 18 meses, em comparação com o ciclo de atualização anual do iPhone e do Apple Watch, de acordo com site taiwanês Commercial Times.


O rumor, que ecoa amplamente as informações relatadas anteriormente, disse que fontes da indústria apontaram para um ciclo de atualização de 18 meses para os chips Apple Silicon. Com isso, a notícia afirma que a próxima geração do chip "M2" será lançada no segundo semestre de 2022 e tem o codinome "Staten", com os chips "‌M2‌ Pro" e "‌M2‌ Max" com lançamento previsto para o primeiro semestre de 2023.


"De acordo com fontes da indústria da cadeia de suprimentos, o Apple Silicon será atualizado a cada 18 meses no futuro. No segundo semestre de 2022, a Apple lançará primeiro o processador M2 com o codinome Staten e, no primeiro semestre de 2023, lançará a nova arquitetura do processador M2X com o codinome Rhodes e lançará dois processadores, como M2 Pro e M2 Max com diferentes núcleos gráficos. Todos os processadores da série M2 da Apple usam o processo de 4 nanômetros e serão atualizados para os processadores da série M3 após um ciclo de 18 meses. Espera-se que eles sejam produzidos em massa usando o processo de 3 nanômetros da TSMC".

Antes de a Apple fazer a transição para o Apple Silicon, a gigante de Cupertino dependia da Intel para inovar e produzir novos chips. A linha do tempo da Intel com sua capacidade de criar novos processadores foram fatores decisivos para novos computadores Mac. Agora, no entanto, com a Maçã possuindo toda a tecnologia de hardware do Mac, ela é capaz de atualizar seus computadores e chips com a frequência que julgar necessário. Mesmo com essa liberdade adicional, os clientes normalmente não atualizam seus Macs com a mesma frequência que seus ‌iPhones‌ ou Apple Watches. Sendo assim, um ciclo de atualização menos frequente é lógico e faz sentido.



A Apple anunciou o M1, seu primeiro chip Apple Silicon, em novembro de 2020, e expandiu a família com o M1 Pro e M1 Max menos de um ano depois, em outubro deste ano, com os novos MacBooks Pro. Um cenário semelhante é esperado para os próximos anos, com ‌o M2‌ sendo lançado primeiro, em 2022, e com o ‌M2‌ Pro e ‌M2‌ Max sendo lançados no primeiro semestre de 2023, de acordo com o Commercial Times.


Com o fim do ano se aproximando, não temos que esperar muito pela próxima geração de Macs. Rumores sugerem que um novo iMac de 27 polegadas com tela mini-LED, um novo design e suporte para a tecnologia ProMotion de 120Hz será lançado na primavera de 2022 do hemisfério norte (março a junho), com um novo MacBook Air redesenhado previsto para o segundo semestre do ano.



Fonte: MacRumors

22/12/2021 - 21h07