top of page
  • Rafael de Angeli

Tim Cook, CEO da Apple, tem audiência especial com Papa Francisco no Vaticano

O líder da Igreja Católica teve uma reunião privada com Tim Cook enquanto viagem executiva da Apple na Europa continua.

Imagem: Vatican Media

Até agora, a viagem de Tim Cook, CEO da Apple, fez paradas não anunciadas no Reino Unido, na Alemanha e na Itália, onde recebeu um diploma honorário. Ele visitou a Cidade do Vaticano, onde teve uma audiência com o Papa Francisco, líder da Igreja Católica Apostólica Romana.


Segundo a Reuters, Cook foi nomeado na lista de audiência diária do Papa. No entanto, como em sua última audiência em 2016, nem o Vaticano nem a Apple divulgaram detalhes sobre o que conversaram.


Imagem: Vatican Media

O Papa Francisco recentemente alertou sobre os perigos de se tornar "escravo do seu celular". Ele também disse, em um Google Hangout de 2015, que não sabia usar um computador.


Naquele mesmo ano, sua visita à cidade de Nova York, nos Estados Unidos, levou a Apple a emitir um aviso aos compradores de que seus iPhones 6s e 6s Plus pré-encomendados poderiam ser adiados por causa de "restrições de tráfego".


Cook ainda não comentou publicamente sobre sua visita, mas tem twittado consistentemente sobre cada parte de sua viagem, incluindo uma parada anterior em Milão, na própria Itália.



O CEO também falou na Universidade Federico II de Nápoles, onde recebeu um título honorário de gestão internacional e inovação.


"[Ao longo] dos séculos, este país apresentou avanços em muitos campos importantes", disse Cook em um discurso. "Atreva-se a desafiar as convenções. Cientistas, artistas, matemáticos e engenheiros italianos impulsionaram a humanidade para o futuro".


Fontes: AppleInsider e Reuters

4/10/2022 - 3h20

bottom of page