• Rafael de Angeli

Steve Jobs, o gênio que continua inspirando o mundo, completaria hoje 66 anos

O cofundador e ex-CEO da Apple, Steve Jobs, nasceu em 24 de fevereiro de 1955 e, se ele ainda estivesse vivo, hoje completaria 66 anos.


Jobs fundou a Apple ao lado de Steve Wozniak em 1976, produzindo os primeiros computadores Apple, mas também atuou como CEO durante um dos períodos mais cruciais da empresa. Ele também foi o grande responsável pelo sucesso selvagem da Maçã com produtos como o iPhone e o iPod.


Sob a liderança de Jobs de 1997 até sua morte, em 2011, por um câncer, a Apple passou de uma empresa à beira do fracasso para uma das maiores empresas de tecnologia do mundo, graças ao lançamento do iMac em 1998 e à conhecida campanha publicitária "Think different" (Pense diferente).



O iMac de 1998 foi seguido por uma série de outros produtos de sucesso, incluindo o iPhone, iPod e iPad, juntamente com a iTunes Store. Jobs também supervisionou a abertura dos primeiros locais de varejo da Apple em 2001 e estabeleceu uma cultura empresarial sob a qual a gigante de Cupertino ainda opera hoje.


Como o atual CEO da Apple, Tim Cook, disse várias vezes, o pensamento de Jobs, seu perfeccionismo inabalável, a dedicação ao trabalho duro e o desejo de inovação são o "fundamento da Apple".



Milhões de vidas foram tocadas por dispositivos da Maçã e há poucos produtos de tecnologia no mercado que não foram influenciados pela Apple e por Steve Jobs de alguma forma, até os dias atuais. Desde então, Tim Cook assumiu o lugar de Steve Jobs e manteve vivo seu legado.


Os fãs da Apple, hoje, em todo o mundo, celebraram Steve Jobs e suas realizações. Tim Cook, como sempre, twittou em memória do aniversariante:


"Comemorando Steve em seu 66º aniversário. Especialmente em um ano em que tantas coisas nos separaram, a tecnologia nos uniu de maneiras ilimitadas. Isso é uma prova da vida de Steve e do legado que ele deixou, que continuam a me inspirar todos os dias".


Fonte: MacRumors

24/02/2021 - 15h17