• Fernando Cunha JR

Rumor: assentos do Apple Car poderão mudar de forma para ajudar o motorista nas curvas fechadas

Uma nova patente da Apple descreve um sistema que altera automaticamente a forma de um assento, proporcionando mais conforto e/ou maior segurança enquanto ele está sendo conduzido.

Um futuro e tão esperado Apple Car (codinome "Projeto Titan") pode ter assentos que forneçam segurança extra ao motorista e aos passageiros durante as viagens, além de mais opções de conforto, e tecidos ainda mais duradouros. Um novo pedido de patente detalha muitos sistemas diferentes para tornar os assentos ajustáveis, tanto pelo usuário quanto dinamicamente assim que necessário. A patente US 10.569.672, "Superfície elástica adaptável", descreve melhorias nos sistemas regulares de bancos de automóveis e, também, afirma que as tecnologias podem ser aplicadas a cadeiras de escritório, mas "mais especificamente a assentos de veículos". "Com o tempo, a guarnição (por exemplo, o tecido) que cobre os contornos do assento, fica desgastada, esticada ou fatigada", diz o documento. "O desgaste da guarnição é especialmente problemático para assentos de carro com almofadas, pois são muito usados ​​e os passageiros esfregam as almofadas ao entrar e sair do assento". A Apple diz que, atualmente, os fabricantes de automóveis resolvem isso dividindo os assentos "em seções cobertas separadamente para reduzir a tensão do material". O que a empresa da maçã propõe é ter menos seções e a utilização de motores e processadores para ajustar os assentos, através da solicitação do usuário ou de diferentes condições de direção.


"Esta suspensão adaptável do assento compreende um tapete de suspensão flexível que fornece suporte em um assento e um retrator motorizado acoplado ao tapete, incluindo um ou mais motores elétricos".

Os assentos de carro também costumam ter os chamados travesseiros ou seções acolchoadas, projetadas para manter o motorista ou o passageiro em uma posição confortável por longos períodos. A Apple planeja que esses travesseiros sejam ajustáveis. "O dispositivo compreende um assento, um travesseiro inflável dentro do assento (o assento tendo uma cobertura que cubra o travesseiro inflável), um carretel montado abaixo do assento, um motor elétrico acoplado ao carretel e um sensor configurado para detectar mudanças na tensão do carretel", diz a patente.


Portanto, em vez de um travesseiro fixo com tecido, que é continuamente esfregado à medida que o usuário entra e sai da cadeira, o plano da Apple é ter uma que se ajuste. Essas almofadas podem se expandir para proporcionar melhor conforto ao dirigir, de modo que "a entrada e a saída do veículo seja facilitada para que os ocupantes possam deslizar para dentro e para fora dos assentos com menos resistência". Além disso, esses "suportes dinâmicos" podem se tornar divisores móveis em assentos, como os traseiros, projetados para transportar mais de uma pessoa.


"Os suportes dinâmicos poderiam dividir um banco em três seções para acomodar três ocupantes", continua a patente, "e estabilizar o movimento lateral, separando, com segurança, vários passageiros, do deslizamento em direção ao outro, quando o veículo faz uma curva acentuada".

A patente é creditada a dez inventores, especificamente: Andrew W. Kooker, John J. Baker; Jonathon Folks, James G. Griffin, II, Jun Wooung Jeong, Craig Ogden, Lukas Satas, Zachary Segraves, Ben Walker e David Yates.


Entre eles, o grupo possui patentes relacionadas anteriores, incluindo o "sistema de assentos por controle de movimento", de Baker, e o "conjunto de veículos com recurso e método luminescentes", de Segraves.


A Apple já registrou patentes para assentos de carro que aconselham você a apertar o cinto e que são cercados por iluminação interna com base na privacidade.

NewsOnApple_Site_vertical.png
  • Facebook
  • Instagram
  • Twitter
  • Youtube
  • Apple Podcasts
  • Spotify
  • Deezer
  • Google_Podcasts_Logo_2


ASSINE NOSSA NEWSLETTER

2019-2020 © News On Apple. Todos os direitos reservados.