top of page
  • Foto do escritorEduardo Galiani

Em entrevista, Tim Cook fala sobre sustentabilidade, futuro dos iPhones e muito mais

O CEO da Apple, Tim Cook, concedeu uma rápida entrevista para a revista Brut. Na ocasião, ele explicou os motivos que levam a empresa a anunciar e lançar iPhones anualmente, como o dispositivo poderia ser daqui a 20 ou 30 anos, além de dar detalhes sobre os processos da empresa acerca da busca pela diminuição da emissão de carbono em seus dispositivos, bem como seu compromisso com a sustentabilidade.

Tim Cook

Na entrevista, gravada em um centro de dados da Apple e em suas instalações de energia solar na Dinamarca, Tim Cook começou explicando o motivo pelo qual a Apple adota a estratégia de lançar um novo iPhone todos os anos, sendo que a redução da frequência de lançamentos do aparelho concordaria melhor com a política da Maçã em seu compromisso com o meio-ambiente.


Pergunta: Você acha que realmente precisamos de um novo iPhone todos os anos?


Cook: Acredito que ter um iPhone novo a cada ano para as pessoas que desejam é ótimo. E o que fazemos é permitir que as pessoas troquem seus telefones antigos. Assim, nós revendemos esse telefone se ele ainda estiver funcionando e se não estiver funcionando, temos maneiras de desmontá-lo e usar os materiais para criar um novo iPhone.


Quanto ao que um iPhone poderá ser daqui a 20 ou 30 anos, Cook foi naturalmente reservado, focando no fato de que um iPhone nesse prazo será neutro em carbono:

Pergunta: Como você acha que será um iPhone daqui a 20 ou 30 anos? Você acredita que inovação e tecnologia podem salvar o planeta?

Cook: Acredito que será neutro em carbono. Obviamente, estará muito à frente do que é atualmente, mas eu não gostaria de revelar todos os nossos segredos a esse respeito. Direi apenas do ponto de vista ambiental, será neutro em carbono.

Após o evento do iPhone 15 no mês passado, surgiram algumas perguntas sobre se os anúncios ambientais da Apple eram apenas uma forma de greenwashing, quando a empresa se diz comprometida com a sustentabilidade, mas suas ações não condizem com suas falas. Na entrevista, Cook rebateu essas críticas.


Pergunta: Quando postamos vídeos sobre produtos da Apple na Brut., os comentários de nossa comunidade frequentemente mencionam o greenwashing, o uso de metais raros e pedem mais moderação. Qual é sua resposta a eles?


Cook: Bem, o greenwashing é repreensível. Então, se você pensar sobre o que estamos fazendo, estamos realizando o trabalho e depois falando sobre, e você está andando por parte desse trabalho hoje. – Referenciando o campo de painéis solares onde a entrevista foi gravada. – Então, isso é uma prova real. O fato de haver 30% de material reciclado no relógio é uma prova real. O fato de termos reduzido significativamente o transporte aéreo para o transporte marítimo na pegada de transporte é uma ação. O fato de estarmos diminuindo a embalagem para que mais dessas coisas caibam em um único palete é uma ação fundamental. Estamos eliminando plásticos. Isso tudo são ações que tomamos e todas elas resultam agora em um relógio neutro em carbono e até 2030, toda uma linha de produtos neutros em carbono.


Apple Carbon Neutral

O CEO da Apple também revelou algumas das coisas que faz em âmbito pessoal para reduzir a emissão de carbono:


“Eu dirijo um carro elétrico. Eu tento evitar plásticos e garrafas de plástico. Eu reciclo. Eu faço compostagem. Todas essas coisas eu tento fazer. Em tudo o que faço, eu tento ao máximo fazer algo que tenha uma emissão de carbono mais baixa”.

Acompanhe a entrevista completa, em inglês, no site da Brut. e em seu canal no TikTok.



Fontes: Brut., MacRumors e 9to5mac

12/10/2023 - 20h03

Comments


bottom of page