top of page
  • Foto do escritorRafael de Angeli

Apenas 50% dos chassis de iPhones fabricados na Índia atendem aos padrões de qualidade da Apple

A Apple está enfrentando dificuldades para ampliar suas operações de produção na Índia em meio a baixos rendimentos de componentes e progresso lento, relata o Financial Times.

Imagem: Reprodução/iFixit

A Apple aparentemente enfrenta imensas dificuldades para aumentar sua produção na Índia. Em uma fábrica na cidade de Hosur, dirigida pela Tata, fornecedora da Apple, que fabrica carcaças de iPhone, apenas um em cada dois componentes que saem da linha de produção "está em boa forma" para ser enviado para montagem na Foxconn. O rendimento de 50% é particularmente baixo para quase todas as operações de produção e vai contra as metas ambientais e de fabricação "zero defeito" da Maçã.


Ex-engenheiros da Apple disseram ao Financial Times que fornecedores chineses e funcionários do governo têm uma abordagem "o que for preciso" para obter pedidos de ‌iPhone‌s, descrevendo como o trabalho costumava ser concluído semanas antes do previsto em "velocidade inexplicável". As operações na Índia, por outro lado, não estão nesse ritmo. "Simplesmente não há um senso de urgência", observou um engenheiro da gigante de Cupertino.


A Apple está aparentemente focada em um plano de longo prazo para melhorar a proficiência de fabricação no país. A empresa enviou designers de produtos e engenheiros da Califórnia e da China para fábricas no sul da Índia para treinar os locais e ajudar a estabelecer operações de produção, de acordo com quatro pessoas que afirmam estar familiarizadas com o assunto.


A Apple começou a produzir modelos básicos de ‌iPhone‌, começando com o iPhone SE, na Índia, em 2017. No ano passado, a empresa aumentou significativamente sua produção no país, produzindo alguns modelos de iPhone 14 na Índia semanas após seu lançamento na China.


Linha iPhone 14

A Tata teria ambições de se tornar uma fornecedora de serviços completos da Apple no futuro e está em negociações para assumir a problemática fábrica da Wistron, de montagem de iPhones, no estado indiano de Karnataka. O plano de longo prazo da Apple para diversificar sua cadeia de suprimentos global continua, depois dos diversos problemas com a produção de iPhones 14 Pro e 14 Pro Max, entre outros produtos da Maçã, no final de 2022.



Fonte: MacRumors

14/2/2023 - 18h23

Kommentarer


bottom of page