• Fernando Cunha JR

Vulnerabilidade permite que hackers ataquem iPhones e iPads pelo app Mail

A falha persiste no iOS/iPadOS 13.4.1, versão mais atual do sistema operacional dos iPhones e iPads.

A empresa de segurança cibernética ZecOps, com sede em São Francisco, nos Estados Unidos, diz que os iPhones podem estar vulneráveis a uma falha que envolve o aplicativo Mail, informou o The Wall Street Journal nesta quarta-feira.


Diferentemente da maioria dos hackings por telefone, que envolvem fazer alguém clicar em um link ou visitar um site, esse exploit não exige que as vítimas façam outra coisa além de baixar (embora não necessariamente abrir) um e-mail e, com isso, permitir que hackers instalem softwares maliciosos em seus dispositivos.


"ZecOps" diz que identificou seis alvos para os ataques e, embora não os tenha nomeado, incluem funcionários de uma empresa de telecomunicações no Japão, uma grande empresa dos EUA, empresas de tecnologia em Israel e Arábia Saudita, um indivíduo na Alemanha e um jornalista europeu. A empresa de segurança cibernética não conseguiu examinar o código malicioso, pois os e-mails usados para iniciar o exploit foram excluídos dos telefones das vítimas.


A Apple aparentemente está ciente do bug e teoricamente já corrigiu o problema na versão beta mais recente do iOS/iPadOS (13.4.5). No entanto, não foi corrigido na versão do iOS lançada mais recentemente para todos, o iOS/iPadOS 13.4.1. Espera-se que isso seja alterado em uma próxima atualização (possivelmente no iOS/iPadOS 13.4.2), ainda sem previsão de lançamento.

NewsOnApple_Site_vertical.png
  • Facebook
  • Instagram
  • Twitter
  • Youtube
  • Apple Podcasts
  • Spotify
  • Deezer
  • Google_Podcasts_Logo_2


ASSINE NOSSA NEWSLETTER

2019-2020 © News On Apple. Todos os direitos reservados.