top of page
  • Foto do escritorMarcelo Dada

Apple aumenta os preços da assinatura do iCloud+ em vários países, incluindo o Brasil

A gigante de Cupertino aumentou o preço do armazenamento do iCloud+ no Brasil e em vários outros países, possivelmente refletindo mudanças nas taxas de câmbio de moedas estrangeiras.

Logo do iCloud com emojis e ícones do iOS

Como é de conhecimento dos usuários dos dispositivos da Maçã, cada Apple ID recebe 5 GB de armazenamento em nuvem gratuito, mas é possível fazer um upgrade para um plano de assinatura paga do iCloud+ e obter 50 GB, 200 GB ou 2 TB de armazenamento. O aumento nos preços varia consideravelmente de país para país, com um acréscimo de cerca de 25% nos pacotes de assinatura no Reino Unido.


No Brasil, os três planos de armazenamento oferecidos pelo serviço sofreram aumentos de aproximadamente 40%. É possível verificar os preços para os planos de iCloud+ brasileiros na página dedicada ao iCloud, no site da Apple. Com a nova alteração, o plano mensal de 50 GB passou de R$ 3,50 para R$ 4,90 (aumento de 40%); o plano mensal de 200 GB aumentou de R$ 10,90 para R$ 14,90 (aumento de 36,7%); e o plano mensal de 2 TB subiu de R$ 34,90 para R$ 49,90 (aumento de 42,9%).


Novos preços do iCloud no Brasil

Os ajustes de preços também ocorreram em outros países, como Dinamarca, Suécia, Noruega, Polônia, Bulgária, Romênia, Turquia, Arábia Saudita, Emirados Árabes Unidos, Egito, Tanzânia, África do Sul, Colômbia e Peru. No entanto, os preços nos Estados Unidos, Canadá e União Europeia permanecem inalterados. É possível verificar detalhes dos valores e planos do iCloud em todos os países na página de suporte da Apple.


Logo do iCloud
Imagem: Reprodução/MacRumors

É importante ressaltar que os usuários que assinam o iCloud+ por meio do Apple One não serão afetados por essa nova alteração de preços.



Fontes: Apple, MacRumors e 9to5Mac

28/6/2023 - 3h43

Kommentare


bottom of page