• Rafael de Angeli

Após tragédia com tornados nos EUA, Apple anuncia doação para apoiar esforços de socorro

O CEO da Apple, Tim Cook, anunciou, neste sábado, que a Apple fará uma doação para apoiar os esforços de socorro depois que tornados em vários estados dos EUA deixaram dezenas de mortos.


De acordo com a NBC News, teme-se que mais de 70 pessoas morreram depois que uma série de tornados varreu Kentucky, Illinois, Tennessee, Missouri e Arkansas na sexta (10) e no sábado (11). O governador do Kentucky, Andy Beshear, disse que este foi o tornado mais devastador e mortal da história do estado.


O presidente Joe Biden também anunciou que o governo americano ajudará os estados que precisam de ajuda federal:


"O governo federal não vai desistir. Nós vamos superar isso".

Em seu Twitter, o presidente americano também postou:

"Esta manhã, fui informado sobre os tornados devastadores em todo o centro dos EUA. Perder um ente querido em uma tempestade como esta é uma tragédia inimaginável. Estamos trabalhando com os governadores para garantir que eles tenham o que precisam enquanto a busca por sobreviventes e as avaliações de danos continuam".

Em um tweet, Tim Cook, escreveu:

"Nossos corações estão com todos aqueles afetados pelo tempo devastador e tornados em todo o Sul e Centro-Oeste. A Apple fará uma doação para apoiar os esforços de socorro no local".

Está longe de ser a primeira vez que a Apple ajuda as pessoas depois de uma tragédia. Em agosto, Tim Cook anunciou que a empresa faria uma doação para os esforços de socorro e recuperação do furacão Ida. Em julho, o CEO da Maçã fez o mesmo depois que algumas regiões da Europa Ocidental foram inundadas e centenas de pessoas morreram devido às fortes tempestades.


Mesmo que Tim Cook tenha dito que a Apple apoiará os esforços de ajuda, ainda não há informações de quanto a gigante de Cupertino planeja dar, já que normalmente ela não torna essas informações públicas.



Fonte: 9to5Mac

13/12/2021 - 0h32